O Dia D

O Dia D
Passados quatro dias já se pode sentir o ganho de energia e o bem-estar conquistados por todos os procedimentos, as atividades, as terapias e a desintoxicação contínua.

O quinto-dia apelidamos de Dia D, por ser o dia decisivo quando o corpo realiza o clímax de sua desintoxicação. Fica-se em repouso o dia inteiro, com uma bolsa de água quente na altura do fígado. Não se ingere nada, além dos drinks desintoxicantes. Após algum tempo começa-se então a eliminar pelos intestinos um material que consiste em resíduos de gordura, bile, colesterol e na maioria das vezes, os cálculos biliares, sem dor! Ao final do dia pode-se finalmente tomar um chá de ervas, bebericar água de côco e tomar uma sopinha. Muitas pessoas preferem até não ingerir nada até o dia seguinte para usufruir mais pouco a sensação de leveza e purificação trazida pelo SuperDetox.

Com certeza o sono será o melhor em muitos anos e ao acordar pode-se recomeçar a ingerir o Suco Verde e as deliciosas refeições do Spa Maria Bonita.